Allure na Europa: como fazer os passeios?

(31 de agosto de 2015)

Bookmark and Share

Fizemos um cruzeiro em família pela Europa nesse gigante chamado Allure of the Seas.

Vou comentar aqui o que fizemos em cada parada e como foi que nos viramos para fazer os passeios!

Algumas pessoas preferem excursões, pela praticidade, pela conveniência, enfim, por inúmeros motivos. Este não é o meu tipo…

O navio geralmente oferece suas excursões, mas optar pelo modo self service, além de ser mais proveitoso, sobra mais tempo pra fazer o que quiser e com mais privacidade e sem o corre-corre típico desse tipo de tour…

Se você quiser ser o tipo turista independente, o mais importante de tudo, é dar uma olhada nas paradas antes mesmo de embarcar, ver o que tem pra fazer em cada uma, quais são as principais atrações turísticas da cidade, quais as cidades vizinhas que existem na redondeza para visitar e ver o que lhe interessa, ou seja, escolher o que você quer fazer e ser assertivo. Afinal, uma parada de navio não é uma viagem em que você tem que conhecer tudo ou desbravar toda a cidade.

Assim, principalmente se pretender desbravar o destino de maneira independente, é bom observar alguns conselhos:

  • Sempre esteja atento ao horário em que o navio sairá e, sobretudo, àquela famosa hora: “todos a bordo até x:xx horas”. Ela está em todo o lugar, nos jornais de bordo, na plataforma de desembarque, no guest service, na ponta da língua da tripulação… Essa é a hora limite! Após isso, não é possível mais embarcar e, nesse caso, o navio deixa mesmo o passageiro!!!… Eu já vi vários ficarem no porto e é angustiante pra quem fica e para está a bordo também…
  • Outro conselho importante, quando souber a hora limite “todos a bordo”, calcule com folga a sua volta ao navio, pois pode haver imprevistos e engarrafamentos!
  • Se for pegar um táxi, negocie antes o valor, pois nos portos em geral os taxistas querem ganhar mais que os outros…
  • Se for pegar trem, entre nos sites das companhias de trem locais e anote bem todos os horários de ida e de volta, quanto tempo dura o percurso e esteja bem seguro que pode voltar a tempo da tal hora “todos a bordo”!
  • Se for nesse modo independente, é bom descer cedo do navio para aproveitar bem seu tempo…
  • Anote o nome do porto e o terminal em que o navio está, pois os portos na Europa são muito grandes e pode haver vários terminais de passageiros ou o seu navio parar em um terminal de carga…
  • Se for pegar trem, verifique a hora do último trem, quanto tempo leva de volta ao seu destino e a distância da estação de trem até o porto. Veja aqui no site da RAilEurope, os horários do trem>

Deixo ainda um resumo-guia do que fizemos em cada porto…

PALMA DE MALLORCA

O porto é bem próximo ao centro. Pegamos um táxi, não sem antes negociar muito e terminar  conseguindo reduzir drasticamente o valor… Como queríamos fazer um tour pela cidade, fechamos um passeio de 1h e meia. O taxista foi super simpático, até deu explicações, nos levou a vários pontos turísticos, descemos, tiramos fotos, entramos em vários lugares, fomos à catedral, ao centro, à cidade velha, a um mirante onde tem um castelo,  e depois ele nos deixou em um beach club (clube de praia) que já havia reservado desde que saímos do Brasil… Porque, claro, Palma combina com praia!!!

m4 - 2

 

Tudo custou 70,00 euros, considerando que o preço era para dividir por todos que estavam no táxi.

Na volta, foi só pedir um táxi no próprio restaurante e voltar para o navio…

 

MARSELHA e AIX-EN-PROVENCE

O porto de Marselha é afastado da cidade. Então, considere isso ao planejar seu roteiro.

Mas, há várias opções de visitas no entorno e as mais populares são as cidades da Provence, dentre elas Cassis, Aix-en-Provence, Avignon, algumas vilas da Provence e a própria Marseille. Óbvio que não dá para fazer tudo num dia só…

Como queríamos ir a uma cidadezinha chamada AIX-EN-PROVENCE, optamos pela excursão do navio  que estava com preços razoáveis (55 Euros) e era a melhor forma de se deslocar até lá, já que de ônibus, leva-se cerca de 1 hora para chegar…

Valeu a pena porque era um walk tour (tour a pé) pelo centro histórico, onde não entra carro e o guia era bem simpático e percorremos muitos pontos interessantes. Os pontos negativos é que sobra pouco tempo livre, o que poderia ser revisto pelo navio e oferecer uma excursão com um turno de tour e outro de tempo livre…

M1

Mas mesmo assim, deu tempo de comer uns doces num belo café, fazer comprinhas gourmet e dar mais uma volta pela cidade…

M2

Como a excursão retornou ao navio por volta das 13:30 h, não tivemos dúvidas, pegamos um táxi com taxímetro normal (pagamos uns 20 euros na ida e 15 na volta) e fomos ao centro de MARSEILLE. Lá deu tempo de dar uma volta, conhecer alguns pontos e ainda comer uma bela bouillabaise num restaurante…

Em Marseille, se quiser dar uma volta na cidade, tem a opção do trenzinho turístico ou pegar um táxi na rua mesmo e pedir pra dar uma volta… Não pegue os táxis do ponto do Port Vell, pois eles querem pegar literalmente o besta, cobrando verdadeiras fortunas por um tour, mais caro até que os taxistas do porto onde estava nosso navio… Tem que pegar o táxi que está andando na rua!

tr DSC00692

Agora se quiser ir a uma das cidades da Provence de forma independente, veja aqui os horários dos trens. Mas considere o táxi para ir do Porto até a estação de Marseille e que o trem para Aix-en-Provence leva entre 35 e 45 minutos… Verifique a hora do último trem e já compre a passagem de volta. Veja que os horários de volta de Aix-enProvence são cedo e que o custo disso tudo talvez saia mais caro que a excursão do navio.

 

LA SPEZIA

Sem dúvida a melhor opção de passeio em La Spezia é ir a CINQUE TERRE. O conjunto de 5 terras, nas verdade, 5 vilas encravadas na rocha à beira do mar e que são Patrimônio da Humanidade!

Foi o que fizemos!

m3

É perfeitamente possível fazer as cinco cidades num dia só e há várias formas de fazê-lo: de trem ou até mesmo descer na primeira estação e fazer um trekking (existe uma trilha) para os mais dispostos… Há ainda a opção de barco entre cada uma das Terres.  Pegamos um táxi no porto e fomos direto para a estação de trem. Compramos a passagem e esperamos o trem. O bilhete dá direito a descer e subir em cada “Terre” quantas vezes quiser.

Pode-se também fazer entre algumas Terres de barco, pois as vistas são fantásticas.

Custo: 15 Euros de táxi na ida e 15 Euros na volta (dividido para 6 pessoas); 12 Euros do bilhete de trem por pessoa; 15 Euros o bilhete de barco entre algumas das “Terres”.

 

ROMA (CIVITAVECCHIA)

Em Roma, tenha em mente que o Porto não é propriamente na cidade de Roma e sim, em Civitavecchia. Logo, será necessário pegar um táxi no porto, ir até a estação de trem e pegar um trem para Roma.

Como apurei que não havia muitos táxis no porto, optamos por adquirir o transfer do navio até Roma, que seria feito de trem. E em Roma, ficaríamos por nossa própria conta. Pra gente, era uma mão na roda, pois não queria fazer excursão e já conhecia a cidade…

tr DSC01081 tr DSC01080

Tivemos 5 horas e meia na cidade, o que não dá para fazer muita coisa, mas eu queria era mesmo curtir e flanar pela cidade. E, claro, comer uma bela massa no Armando Al Panteon!!!

tr 11899754_873887266029495_988024510861143402_n tr dSC01094

Se você não conhece a cidade, sugiro ou pegar uma excursão ou ir dessa maneira e pegar um tour daqueles hop on hop off para agilizar e otimizar seu tempo. E é a tal estória, tem que se planejar mesmo e ir direto aos pontos de interesse…

 

NÁPOLIS – SORRENTO

Em Nápoles, as opções são inúmeras… Pode-se passar o dia em Capri, escolher uma das vilas da Costa Amalfitana, como Sorrento, Amalfi, Positano, Ravello e outras.

Como já tinha ido algumas vezes para Capri, optamos por ir para Sorrento e passamos o dia por lá… Você pode optar pela excursão do navio ou ir de trem mesmo.

m5

Para quem não conhce Capri, sugiro essa opção. Pode-se ir de Ferry Boat ou barco. As opções variam entre 17 e 20 Euros e você pode comprar aqui   (http://www.capri.com/pt/horario-balsas). Note que há barcos mais rápidos e a viagem pode durar de 50 minutos a 1h e 30, dependendo do tipo de barco. Programe-se e já compre o bilhete de volta, contando com o tempo de deslocamento da ilha até o porto, sempre de olho na hora “todos a bordo”! Ou seja, o tempo de deslocamento do barco, mais o táxi, se você optar por pegar o barco em outro local diferente do porto…

 

comente

 

 

Bookmark and Share

Escrever um comentário

*